O que fazer com os jovens na Pandemia?

Desde que a temperatura começou a subir, aqui em Viena, mihares de jovens se reúnem no Donaukanal ou no Karlsplatz. Mesmo com a flexibilização das regras do Coronavírus, na Áustria, bares noturnos e danceterias seguem fechadas.

Com as regras atuais de flexibilização na Áustria, a gastronomia, que inclue bares, cafés e restaurantes poderiam estar abertos até às 22:00 horas. Desde do 10 de junho, os estabelecimentos podem estar abertos até meia-noite. A partir do primeiro julho, não haverá mais limitações de horário.

No último fim de semana, houveram confrontos entre jovens e policiais no Karlsplatz. O fato não é novo. Faz semanas que os jovens fazem suas festas até as madrugadas nesses lugares.

Jovens sem perspectiva

Desde do começo da pandemia, governos europeus resolveram priorizar os idosos e grupos de risco. A decisão foi dada pela alta mortalidade do vírus, justamente nesses grupos.

Desde então, os jovens foram deixados um pouco de lado, também do ponto de vista econômico. Com os lockdowns, milhares de empresas fecharam postos de trabalho.

Recém-formados de universidades ou escolas técnicas viram oportunidades de empregos desaparecerem. Aqueles postos de trabalho que ainda permanceram, esses exigem uma experiência professional. Um problema para quem está começando na vida profissional.

Sem perspectiva professional e sem possibilidade de minimamente de se divertir, já que bares e discotecas estão fechados, restaram as praças públicas para se divertirem.

Mesmo que a situação na Europa Central seja favorável para menos restrições para o Coronavírus, ainda é cedo afirmar que a pandemia esteja sobre controle. Aglomeração de pessoas pode representar mutações, aliás como aconteceu no começo do ano, com a mutação britânica.

Por outro lado, a pergunta sobre o que fazer com os jovens permanece no ar. A partir do primeiro de julho, não haverá restrições para abertura de locais.

Permanecerá a regra do 3G: Genesen, recuperados de uma infecção, Gestestet, testado negativos para o vírus e vacinado. Aliás, o governo espera aumentar o número de vacinados, até o começo do verão.

Assim pelo menos, os jovens poderão tomar suas biritas e se divertir no verão 2021. Um pouco de diversão faz bem a alma.