Eleições Municipais 2020: Sai para lá, Polarização.

Ontem, foi o segundo turno das eleições municipais, em 57 cidades brasileiras, o que corresponde a 18 capitais e mais 39 municípios. Tudo transcorreu, mais uma vez, na santa paz.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, a taxa de abstenção foi de 29,74%. No primeiro turno, a taxa foi de 23,14%. A taxa alta é justificada pela Pandemia. Muitos não quiseram votar com o medo do vírus, embora os protocolos de higiene estivessem nas seções eleitorais. Somente podia-se votar com máscara e levando sua própria caneta.

Tanto Bolsonarismo, como Lulopetismo viram seus canditados não se elegerem. O povo cansou dessa “polarização extremada” e sobretudo porque isso, não resultou em nenhuma melhora em suas vidas.

O lamentável é que em plena Pandemia, não houve nenhuma discussão sobre o assunto e parcialmente, uma parte da imprensa é culpada disso. Essa ainda insiste em fazer militância política.

Quanto a nova constelação política, o que se nota é a volta de partidos antigos, como PMDB, agora MDB, o PSDB e aí vai. O centro foi o grande beneficiado.

O que se notou também é que o discurso altamente ideologizado, raivoso reinante nas redes sociais, não supera o mundo real. Resta saber se os políticos entenderão.

Obrigada por ler o Blog do DricaRibas.